As profissões com maior número de adúlteros

O site ashley madison, especializado em casos extraconjugais, realizou uma pesquisa com 1.439 de seus membros para descobrir quais carreiras são mais comuns entre as pessoas que traem seus cônjuges. Os resultados mostraram que as profissões mais estressantes têm mais trabalhadores infiéis: entre as mulheres, as médicas são campeãs em traição, já os homens que traem são, em sua maioria, autônomos, como encanadores e eletricistas. E, quando se trata de lealdade, os entrevistados mostraram que são mais fiéis à profissão do que aos seus parceiros: 46% dos participantes afirmaram que nunca trocaram de emprego. Com base nos resultados da pesquisa do site ashley madison, a Revista Bula elencou as 14 profissões com mais traidores.

1 — Profissionais autônomos

Homens autônomos, como encanadores, diaristas, entregadores e eletricistas, procuram casos extraconjugais mais do que os outros profissionais. De acordo com Isabella Mise, diretora de comunicação do site ashley madison, “o trabalho autônomo tem muitos horários irregulares, o que significa que é mais fácil para esses homens darem uma fugidinha fora do expediente”.

Taxa de infidelidade para homens: 29%

Taxa de infidelidade para mulheres: 4%

2 — Medicina

Segundo a pesquisa, as médicas são as profissionais que mais traem, representando 23% das entrevistadas. “Uma combinação de longas horas de trabalho sob pressão e uma reação natural ao estresse podem ser os motivos pelos quais as médicas procuram casos extraconjugais”, disse a diretora de comunicação Isabella Mise. Em contrapartida, apenas 5% dos médicos costumam trair.

Taxa de infidelidade para mulheres: 23%

Taxa de infidelidade para homens: 5%

3 — Empreendedorismo

As estatísticas não parecem boas para empreendedores de ambos os sexos: essa foi a única carreira onde houve um empate. Líderes proeminentes costumam arriscar tudo em busca de poder e sucesso. E, provavelmente, muitos deles não conseguem fazer uma separação, encarando seus relacionamentos da mesma forma que fazem negócios.

Taxa de infidelidade para homens: 11%
Taxa de infidelidade para mulheres: 11%

4 — Tecnologia da Informação

Os resultados da pesquisa indicam que os profissionais da área de TI não são tão introvertidos quanto parecem. Essa carreira tem a segunda maior porcentagem de infidelidade entre os homens, perdendo apenas para os autônomos. E, entre as mulheres de TI, a taxa de traições também não é baixa: 8% delas são infiéis.

Taxa de infidelidade para homens: 12%
Taxa de infidelidade para mulheres: 8%

5 — Varejo/ Hotelaria

Entre os trabalhadores do setor de serviços, as taxas de divórcio são bem altas. Lidar com o público é estressante e pode causar estragos até mesmo em casamentos estáveis. E especialmente para os profissionais do varejo e da hotelaria, tanto homens quanto mulheres, os casos extraconjugais também parecem comuns.

Taxa de infidelidade para homens: 8%
Taxa de infidelidade para mulheres: 9%

6 — Finanças

As palavras dinheiro e estresse andam de mãos dadas, por isso não é surpreendente que os profissionais do mercado financeiro estejam entre os que mais traem. Afinal, segundo a pesquisa, quanto mais estresse no trabalho, maior é a possibilidade de infidelidade. Nesse mercado, homens e mulheres estão equilibrados quando o assunto é traição.

Taxa de infidelidade para homens: 8%
Taxa de infidelidade para mulheres: 9%

7 — Educação

Entre os homens que trabalham na educação, 4% são infiéis. Mas, esse número triplica quando se olha para o número de educadoras no ashley madison: 12%. Essa não é a primeira vez que os professores se declaram traidores: em uma pesquisa realizada pela Illicit Encounters, 27% dos participantes admitiram ter relações extraconjugais com um colega de trabalho.

Taxa de infidelidade para homens: 4%
Taxa de infidelidade para mulheres: 12%

8 — Assistência Social

De acordo com a pesquisa, mulheres tendem a liberar níveis mais altos de oxitocina (hormônio sexual) do que os homens quando lidam com o estresse. Por isso, em um campo predominantemente feminino, elas podem se sentir mais livres para “encontrarem uma fuga do estresse fora do casamento”.

Taxa de infidelidade para homens: 2%
Taxa de infidelidade para mulheres: 9%

9 — Marketing e Comunicação

Cerca de 10% dos usuários do ashley madison em busca de um caso extraconjugal trabalham nas áreas de marketing e comunicação. Como esses profissionais possuem talento para a socialização e sabem como vender uma história, eles provavelmente estão usando suas habilidades de marketing para conseguir novos parceiros.

Taxa de infidelidade para homens: 6%
Taxa de infidelidade para mulheres: 4%

10 — Artes e Entretenimento

Artistas têm fama de infiéis, mas o site ashley madison provou que as mulheres se sobressaem como traidoras no mundo da arte e do entretenimento. Músicos, modelos, atores e cantores gostam e procuram o reconhecimento dos fãs. Por isso, para eles pode ser difícil passar a vida sendo amados uma pessoa só.

Taxa de infidelidade para homens: 3%
Taxa de infidelidade para mulheres: 4%

11 — Direito

Profissões jurídicas estão entre as ocupações mais estressantes, então não é uma surpresa a prevalência de infidelidade entre advogados, juízes, promotores e afins. Pelo menos, eles vão saber como lidar com os seus prováveis divórcios. Por outro lado, as mulheres do Direito parecem mais fiéis que os homens.

Taxa de infidelidade para homens: 4%
Taxa de infidelidade para mulheres: 0%

12 — Agricultura

De acordo com a pesquisa, praticamente não existem mulheres infiéis no mercado agricultor. Mas, 3% dos homens com trabalhos ligados ao campo procuram casos extraconjugais. Dias fora de casa, estresse ou longas jornadas de trabalho? Não se sabe a justificativa, mas eles ocupam a 12ª posição do ranking.

Taxa de infidelidade para homens: 3%

Taxa de infidelidade para mulheres: 0%

13 — Mercado Imobiliário e de Seguros

Talvez seja porque os agentes ficam por aí em casas grandes e vazias o dia todo, ou porque um pequeno grau de flerte faz parte da estratégia de um bom vendedor, mas a indústria imobiliária e de seguros tem uma grande taxa de infidelidade entre os homens. Em contrapartida, as mulheres desse setor são mais fiéis aos seus cônjuges.

Taxa de infidelidade para homens: 3%
Taxa de infidelidade para mulheres: 0%

14 — Políticos

Escândalos de traições de políticos são muito comuns: Bill Clinton, John Kennedy e Fernando Collor são apenas alguns exemplos. Por isso, é de se estranhar que eles não estejam tão presentes no ashley madison: apenas 2% dos inscritos no site trabalham na área da política, que ocupa a última posição do ranking.

Taxa de infidelidade para homens: 1%
Taxa de infidelidade para mulheres: 1%

 

Read More